Veja a análise da questão discursiva do concurso da TJDFT para o cargo de Analista Judiciário – Administração.

A prova discursiva do concurso do TJDFT para Analista Judiciário, especialidade Administração contava com duas questões.

Vamos analisar abaixo cada uma das questões.

Inicialmente, o enunciado Questão 1 previa que:

Um gerente de certa organização recebeu os resultados de uma pesquisa sobre percepções e expectativas no trabalho realizada com a sua equipe. A pesquisa foi feita pela área de recursos humanos, devido aos sinais de forte desmotivação e falta de empenho da equipe na realização do trabalho. Os resultados da pesquisa indicaram que os funcionários:

i) acreditam que, embora se esforcem, as metas não serão alcançadas;
ii) percebem que há diferenças significativas na sua remuneração em relação à de funcionários de outras áreas, embora desempenhem tarefas semelhantes e tenham formação equivalente;
iii) consideram que não têm autonomia para realizar o trabalho;
iv) consideram que seu trabalho é pouco relevante para a empresa.

A partir do exposto, discorra sobre os itens a seguir.
a) comente sucintamente o item i dos resultados da pesquisa, com base na Teoria da Expectativa (de Victor Vroom);
b) comente sucintamente o item ii dos resultados da pesquisa, com base na Teoria da Equidade/Justiça Organizacional;
c) com base no Modelo de Caraterísticas de Trabalho (MCT), aponte duas iniciativas adequadas para estimular a motivação dos membros da equipe, indicando a qual item dos resultados da pesquisa a iniciativa se aplica (item iii ou item iv).

Análise de cada item

Tópico a: comente sucintamente o item i dos resultados da pesquisa, com base na Teoria da Expectativa (de Victor Vroom).

A Teoria da Expectativa de Victor Vroom é amparada em três fatores, a saber: i) expectativa; ii) instrumentalidade; e iii) valência. A expectativa consiste na sensação do funcionário de que o esforço do seu trabalho o levará ao desempenho almejado. A instrumentalidade, por sua vez, refere-se à recompensa que o funcionário receberá em virtude do seu desempenho. Por fim, a valência é o fator relacionado com o grau de satisfação e de atratividade (objetivos pessoais) da recompensa. Diz-se, ainda, que a motivação é consequência desses três fatores.

No caso em tela (os funcionários acreditam que, embora se esforcem, as metas não serão alcançadas), há a presença do esforço dos funcionários. No entanto, a descrença em relação ao atingimento das metas compromete a expectativa e, consequentemente, a instrumentalidade e a valência, de acordo com a Teoria da Expectativa de Vroom. Portanto, para solucionar esse problema e aumentar a motivação dos funcionários, cabe ao gerente da organização em comento elevar a expectativa dos funcionários por meio do estabelecimento de metas alcançáveis, de modo que os colaboradores atinjam o desempenho almejado e sejam recompensados por isso; o que agregará valor aos planos pessoais do funcionário.

Tópico b: comente sucintamente o item ii dos resultados da pesquisa, com base na Teoria da Equidade/Justiça Organizacional.

A Teoria da Equidade diz respeito às comparações relativas aos esforços e recompensas que os funcionários fazem, com si próprios ou com colegas de trabalho, dentro ou fora de sua organização. No caso em tela (os funcionários percebem que há diferenças significativas na sua remuneração em relação à de funcionários de outras áreas, embora desempenhem tarefas semelhantes e tenham formação equivalente), há um claro comprometimento da justiça organizacional. Especificamente, está-se diante de uma inequidade negativa, isto é, uma injustiça por recompensação a menor do esforço do funcionário.

Para solucionar o problema, o gestor responsável deve rever a política remuneratória da organização, sob o risco de os funcionários subvalorizados se esforcem menos ou mesmo busquem trabalho em outra companhia.

Tópico c: com base no Modelo de Caraterísticas de Trabalho (MCT), aponte duas iniciativas adequadas para estimular a motivação dos membros da equipe, indicando a qual item dos resultados da pesquisa a iniciativa se aplica (item iii ou item iv).

O MCT, criado por Richard Hackman e Greg Oldham, é baseado no princípio segundo o qual a determinação de uma tarefa é motivador para quem a finaliza.

No caso do item iii (os funcionários consideram que não têm autonomia para realizar o trabalho), a delegação de responsabilidades aos funcionários desmotivados é uma iniciativa indicada.

No caso do item iv (consideram que seu trabalho é pouco relevante para a empresa), o feedback pela realização de sua(a) tarefa(s) é uma iniciativa indicada.

Já o enunciado Questão 2 previa que:

Entre os objetivos da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) está a proposição de regras para execução orçamentária e para o cumprimento das metas definidas nos instrumentos de planejamento elaborados pelos entes públicos. Para isso, a LRF definiu instrumentos e parâmetros relacionados a receitas e despesas com potencial para contribuir para uma gestão fiscal responsável.

Considerando esse contexto, elabore um texto que aborde os seguintes pontos, que contribuem para uma gestão fiscal responsável:
a) um instrumento definido pela LRF para auxiliar no acompanhamento da execução orçamentária e financeira;
b) uma orientação definida na LRF relativa ao controle das receitas públicas;
c) dois parâmetros definidos pela LRF relacionados ao controle de despesas;
d) uma regra definida pela LRF para garantir o cumprimento das metas fiscais.

Análise de cada item

Tópico a – um instrumento definido pela LRF para auxiliar no acompanhamento da execução orçamentária e financeira.

Este tópico exige o conhecimento do art. 48 da LRF (in verbis):

Art. 48. São instrumentos de transparência da gestão fiscal, aos quais será dada ampla divulgação, inclusive em meios eletrônicos de acesso público: os planos, orçamentos e leis de diretrizes orçamentárias; as prestações de contas e o respectivo parecer prévio; o Relatório Resumido da Execução Orçamentária e o Relatório de Gestão Fiscal; e as versões simplificadas desses documentos.

De maneira mais precisa, o instrumento definido pela LRF para auxiliar no acompanhamento da execução orçamentária e financeira é o Relatório Resumido de Execução Orçamentária (RREO).

Com efeito, o RREO, de acordo com o § 3º do art. 165 da Constituição Federal, será publicado, pelo Poder Executivo, em até 30 dias após o encerramento de cada bimestre.

Tópico b: uma orientação definida na LRF relativa ao controle das receitas públicas.

No tópico b, é exigido o conhecimento do capítulo III (Da Receita Pública) da LRF. Especificamente, o candidato pode seguir quatro caminhos para responder corretamente o quesito, a saber:

  1. Responder com base no art. 11 (requisitos essenciais da responsabilidade na gestão fiscal);
  2. Responder com base no art. 12 (previsão de receitas);
  3. Responder com base no art. 13 (metas bimestrais de arrecadação); e
  4. Responder com base no art. 14 (renúncia de receitas).

Tópico c: dois parâmetros definidos pela LRF relacionados ao controle de despesas.

No tópico c, é exigido o conhecimento do art. 16 da LRF (in verbis):

Art. 16. A criação, expansão ou aperfeiçoamento de ação governamental que acarrete aumento da despesa será acompanhado de:

I – estimativa do impacto orçamentário-financeiro no exercício em que deva entrar em vigor e nos dois subsequentes;

II – declaração do ordenador da despesa de que o aumento tem adequação orçamentária e financeira com a lei orçamentária anual e compatibilidade com o plano plurianual e com a lei de diretrizes orçamentárias.

Com efeito, são estes os dois parâmetros definidos pela LRF para o controle de despesa: a estimativa do impacto orçamentário-financeiro que a despesa causará e a declaração de ordenador da despesa acerca da sua adequação com a LOA e sua compatibilidade com o PPA e a LDO.

Tópico d: uma regra definida pela LRF para garantir o cumprimento das metas fiscais.

No tópico d, é exigido o conhecimento do art. 9º da LRF (in verbis):

Art. 9º Se verificado, ao final de um bimestre, que a realização da receita poderá não comportar o cumprimento das metas de resultado primário ou nominal estabelecidas no Anexo de Metas Fiscais, os Poderes e o Ministério Público promoverão, por ato próprio e nos montantes necessários, nos trinta dias subsequentes, limitação de empenho e movimentação financeira, segundo os critérios fixados pela lei de diretrizes orçamentárias.

Impressões

Deixe nos comentários o que você achou do tema da prova discursiva do concurso de Analista – Administração – do TJDFT (FGV) e quais os pontos também poderiam ser abordados, que não tratamos na nosso padrão de resposta.

Comente também os pontos que você pecou na sua prova e qual foi a maior dificuldade que sentiu em relação a prova discursiva.

Próxima Fase – Recurso

O recurso contra a correção da redação é uma importante fase do concurso.

A correção é realizada por pessoas e todos nos podemos errar em algum momento.

Dessa forma, pode ocorrer do examinador errar na sua correção, penalizando de forma demasiada o seu texto.

Assim, essa fase não deve ser menosprezada ou esquecida pelos candidatos.

Contudo, uma dúvida muito frequente é se a nota pode ser reduzida com o recurso.

Para isso, disponibilizo o link abaixo no qual o professor Bruno explica certinho se isso pode ocorrer ou não e caso precise de recurso, conte com o auxílio da nossa equipe de professores.

Acompanhar
Notificar
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários